Informativo semanal de noticias

sexta-feira, 3 de março de 2017

Doméstica é executada e tem casa incendiada em Igarassu

Corpo foi encontrado na manhã desta quarta. Foto: TV Clube/Record (Corpo foi encontrado na manhã desta quarta. Foto: TV Clube/Record)
Corpo foi encontrado na manhã desta quarta. Foto: TV Clube/Record
A troca de um imóvel pode ter sido a causa da execução de uma empregada doméstica e do incêndio criminoso da casa em que ela morava, em Igarassu, nesta quarta-feira. Maria Iranir Alves da Silva, de 34 anos, foi arrastada de casa por um quilômetro durante a madrugada. Ela foi encontrada morta na Rua Oriente, a ladeira do cemitério, no Loteamento Santa Luzia pela manhã. De acordo com os peritos do Instituto de Criminalística, a vítima foi assassinada com um tiro de espingarda calibre 12 na cabeça disparado à queima roupa. Houve esfacelamento do crânio com exposição da massa encefálica. Ainda durante a manhã, a casa dela foi alvo de um incêndio criminoso. Ninguém foi preso.

Segundo familiares, a vítima não tinha envolvimento com tráfico de drogas ou algum fato grave que pudesse motivar o crime, mas ela estaria em uma briga por conta de um imóvel. Por conta dessa confusão, já haviam tentado invadir sua casa semanas atrás. Nesta madrugada, dois homens arrombaram a residência de Maria Iranir e a levaram para ser executada na ladeira. Pela manhã, durante o incêndio, o imóvel estava vazio.

O caso está sendo investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa.

Com informações da TV Clube/Record


Fonte: Inf. no Site Diário de Pernambuco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário